MANCHAS: E AGORA?!

MANCHAS: E AGORA?!



Nossa pele é formada por camadas, onde cada uma tem suas estruturas e funções. Na camada mais superficial, a epiderme, encontra-se em sua base células chamadas de melanócitos. Estas células são responsáveis pela produção de melanina as quais nós observamos a olha nu na superfície da pele. Isso mesmo, os tons de pele são caracterizados pela quantidade de melanina produzida pelo melanócito. Ou seja, peles negras possuem muita melanina e peles claras pouca, ou então peles albinas é praticamente zero de melanina. As condições que determinam esse fototipo de pele - a característica da pele - é o fator genético.

Mas por que temos manchas na pele, se é algo fisiológico e influenciado pelo genética? A epiderme é a camada mais superficial e consequentemente mais exposta aos fatores externos do ambiente: poluição, raios solares, tabagismo, etc. Por ela ser a camada que entra em contato com o meio externo, ela precisa de uma proteção, para entrar somente aquilo que é saudável e interesse para o bom funcionamento. Para isso possuímos uma camada de manto hidrolipídico, composto por água e gordura (ômegas), não deixando entrar qualquer tipo de substância; e temos a melanina. Isso mesmo, a função da melanina é protetora da pele. Toda vez que sua pele tiver interferências ela vai responder com produção de melanina, ou seja, manchas.


Radiação solar, produtos químicos, fricções, poluição, entre outros, são fatores que estimulam sua pele a aumentar melanina/manchas. Temos também fatores intrínsecos, principalmente mudanças hormonais: gestação, alterações tireoide, anticoncepcionais, todos esses também alteram a fisiologia da pele promovendo manchas. E sim, uma vez acionando essa disfunção no equilíbrio da pele, é muito difícil de retornar ao seu estágio inicial, ou seja, mancha não tem cura, tem controle da quantidade de produção de melanina. Diante disso, pode-se dizer que a melhor prevenção é o uso do filtro solar. Este irá proteger quimicamente e fisicamente de fatores externos que influenciam na formação de manchas. Para controlar e diminuir, podemos utilizar de tratamentos despigmentantes, como peelings, microagulhamento e lasers.

Gostou das dicas?! Deixe seu like


Posts Em Destaque